REGRAS PARA SE FAZER O POEMA VARANO

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

DUAS LUAS














Aqui estive, passei perto, voando,
Senti teu cheiro, teu perfume suave,
Dei vôo rasante, qual pequena ave,
Num desses vôos eu te encontrei sonhando!

Que bela imagem pude ver de cima!
Vi-me lá em baixo a beijar tua mão,
Abrindo a porta do meu coração,
Dando-te a chave, no mais belo clima!

Vi renascer como de entranhas tuas
Mais bela imagem me trazendo o bem,
Representando o nosso amor além!

Notei que tinha agora duas luas!
Uma na terra, outra no céu... As duas,
As quais eu já não posso viver sem!

Leave your comments
Deixe seu comentário