REGRAS PARA SE FAZER O POEMA VARANO

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Amor fugaz

Força inexplicável
Meu encantamento
És por um momento
Meu refúgio e paz...
Dor abominável
Eterno tormento
Trazes sofrimento
Nesse amor fugaz!...

Ó madona amada
Senhora de si
Espero por ti
Meu sonho de paz...
Nessa caminhada
Nunca percebi
Que o amor vivi
Nesse amor fugaz!...