REGRAS PARA SE FAZER O POEMA VARANO

quarta-feira, 23 de março de 2011

Sonho

Ontem te vi a visitar-me em belo sonho...
Moravas tu entre as estrelas lá do céu...
Usavas tênue lenço branco como um véu
Cobrindo olheiras de um viver que era tristonho...

Roubei-te tudo, a tua dor, tua tristeza,
Pra devolver-te a alegria que tu tinhas...
Tomei teu corpo num abraço como vinhas...
Roubei-te a roupa, desnudei tua beleza...

Ao acordar, não vi teu corpo que eu sonhara,
Mas ainda havia o perfume que ficara,
De uma fragrância tal qual pétalas de flores...

.......................................................................
Vivo a sonhar para encontrar-te outra vez,
Aconchegar-me à maciez da tua tez
E estar contigo, sempre, sempre, aonde fores...