REGRAS PARA SE FAZER O POEMA VARANO

sexta-feira, 15 de março de 2013

... E A PAZ DA TERRA


Hoje é outro dia e nós, a labutar,
Não vemos que, no mar, as ondas bailam,
Que, no universo, forças também ailam
E nós na imensidão sempre a girar!

Paremos por instantes a observar
Que as flores do jardim perfume exalam,
Que há pássaros nos galhos a cantar,
Que espumas sobre a areia lá se espraiam!

Que o verde das florestas nos dá vida,
Enquanto o rio desce lá da serra
E a brisa sopra a noite embevecida!

Paremos para ver que Deus não erra,
Mas pede que ajudemos nessa lida...
Conserve a natureza... E a paz da Terra!