REGRAS PARA SE FAZER O POEMA VARANO

terça-feira, 2 de novembro de 2010

O Brasil é uma beleza (Glosa)


Constatei que o Brasil é uma beleza,
nas viagens que fiz por esse mundo!...

Vi lugares com bela arquitetura,
em cidades tão limpas e tão calmas,
refrigério de mentes e de almas,
relicários da história e da cultura.
Vi o passado em cada criatura,
vi nos rostos de rico e moribundo
o olhar triste, marcado e profundo,
como em quem o passado inda é tristeza...

Constatei que o Brasil é uma beleza,
nas viagens que fiz por esse mundo!...

Fui a mares de um tom meio azulado,
que lembravam os mares do Brasil,
mas faltava o azul, azul-anil,
misturando-se ao tom esverdeado.
Nesses mares que tenho navegado,
mergulhei na saudade alguns segundos
e lembrei-me inda lá, em mar profundo,
do que vi, comparei e, com certeza,

Constatei que o Brasil é uma beleza,
nas viagens que fiz por esse mundo!...

Já andei por lugares tão distantes,
onde a terra se liga no horizonte
e parece ligar-se atrás de um monte
ao azul lá do céu a todo instante.
Ouvi carros de boi, ouvi berrante.
Ouvi onça urrando urro profundo,
sem saber de onde era oriundo
e vi cobra nadando em correnteza!

Constatei que o Brasil é uma beleza,
nas viagens que fiz por esse mundo!...

Vi sujeito dizendo que era Cristo,
sacerdote expulsando o bicho feio.
Vi um bode enterrado até o meio,
eu vi coisas que nunca tinha visto!
Disso tudo é certeza, ainda insisto,
mesmo ainda com tanto vagabundo
e o petróleo escondido lá no fundo,
tantas matas, minérios – que riqueza!

Constatei que o Brasil é uma beleza,
nas viagens que fiz por esse mundo!...

        Do meu livro "Poesia em Vários Tons", editado e comercializado pelo Clube de Autores http://www.clubedeautores.com.br/